Já descansou hoje?

Acorda e não tem energia para nada? Procrastina e adia tarefas importantes? Não sente motivação? Se isto é algo familiar para si, hoje venho refletir consigo a importância do descanso e de se permitir abrandar.
Imagine um carro que se mantém ligado por muito tempo, sem momentos de pausa. O que irá acontecer? Certamente o motor irá avariar ou a bateria terminar. É também isto que acontece quando o corpo humano não tem momentos de reposição de energia e bem-estar.
Vivemos numa sociedade que prioriza o trabalho constante e a produtividade excessiva em detrimento do descanso, que é visto de forma negativa. É, por isso, recorrente sentirmo-nos culpados por decidirmos descansar devido a esta pressão externa. Por outro lado, a rotina diária no mundo ocidental é vivida com grande intensidade e correria, não permitindo a coexistência de momentos de repouso. Contudo, é importante relembrar que estes momentos são cruciais na nossa reposição mental e física, permitindo uma melhor conexão connosco e com os outros. Sem eles, não será possível atingir os seus objetivos, e poderá estar a colocar a sua saúde em causa, aumentando o risco de desenvolver condições físicas ou psicológicas graves, como é o caso da síndrome de burnout.
Embora se pense no descanso mais físico, é importante cuidar do descanso mental, social, emocional, sensorial e espiritual, dedicando tempo do seu dia ou semana para atividades que lhe são prazerosas ou, simplesmente, para não fazer nada. Mas lembre-se: não há produtividade sem descanso!

blog sara cruz clínica

Sara Cruz

No nosso blog vai poder ler artigos escritos pelas nossas psicólogas sobre temas da atualidade e saúde mental.

Procurar

Você também pode gostar